sábado, 10 de outubro de 2009

PEDOFILIA NÃO É DOENÇA



A cada dia que passa, mais e mais casos de pedofilia são relatados, publicado e revelado a sociedade através dos meios de imprensa.
Porém, isso não é algo novo, não é um evento de nossos dias, nem tão pouco próprio de nossa geração, mas, é sim, próprio de nossa espécie.

Entre os animais, se caso, acontecesse a pedofilia, a pederastia, o incesto ou qualquer ato de desordem moral, não haveria problemas, afinal, eles não vivem em moralidade e nem em sociedade pensante.
Porém, isso não acontece. Os animais não fazem sexo. Animais procriam e por instinto.
Para um animal ter contato "sexual"com outro é preciso haver um ciclo de um estar no cio para o outro entender que chegou a hora de procriar a espécie.
Um cão não vive a procura de uma cadela pelas esquinas para fazer "sexo"  Um animal, seja lá a sua espécie, não anda a procura de sexo, não anda à procura de satisfação sexual, egoísta e imoral; eles fazem por instinto.


O que são homens então? Piores que animais? São homens animais? Ou animais homens?


Oxalá fora animal! Assim agiriam por instinto e não andariam atrás de presas inocentes e nem fariam sexo com crianças.

Tenho uma filha, e como vi muitos casos acontecendo, procurei estudar a personalidade "pedotista"; analisei casos e convivi com um pedófilo. Hoje mesmo, foi um homem preso ao lado da minha casa fazendo atos "pedofilicos"  com uma menina de 9 anos e outra de 12. Tirava fotos das crianças, colocava elas para ver filmes porno; Fazia barbaridades! 


Um outro, foi autuado, mas, não preso, no mesmo dia e em outro bairro. Advogado, professor universitário, e funcionário público, todos sem nenhuma suspeita. São pais, convivem na sociedade como pessoas normais.
O pedófilo é gente comum, longe de qualquer suspeita, totalmente sociais. Eles gostam por extremo de agradar crianças, gostam de vê-las dançar, gostam de conversar com elas, orientam elas a uma vida de sucesso. Eles veem coisas que os pais não veem em seus filhos, a carência paterna, a falta de diálogo e o que elas querem e gostam.


O pedófilo é extremamante estrategista, ele não faz nada sem primeiro analisar a vítima, o meio e como chegar a ela.


Veja o caso deste professor que se passava de orientador pornográfico para crianças; e o outro, que é aposentado, sabia o gosto das meninas e como agrada-las.

De quem é a culpa? Quem criou o pedófilo?


A culpa é do sistema. O sistema criou o pedófilo.


Porque aumentou o número de casos?


Os casos aumentaram justamente pelo fato de os pais estarem preocupados e ocupados em outras coisas. 


É a modernidade!


Os filhos ficam à deriva no meio de uma sociedade carrasca e narcisista . Os pais, não estão ligando para saber como os filhos estão na escola, na rua, na casa de amigos, nos shopping. Os pais não sabem como os filhos andam e nem com quem andam. Onde os filhos brincam e nem com quem brincam.

Saibam que o pedófilo não é um doente como querem que seja. 
O pedófilo é um oportunista, um estrategista.


O homem não vive pedófilo, não nasce pedófilo, ele está pedófilo (está tendo atração por crianças). E em momentos oportunos. 
Se caso ele vivesse pedófilo, (como algo inerente) ele praticaria a ação "pedofólica" em qualquer lugar e a qualquer hora. Não escolheria as vitimas e nem lugar.


Porém, temos visto que não é assim. O pedófilo não pratica suas ações em qualquer lugar e hora, antes é tudo maquinado de antemão.

Portanto, a melhor ação e prevenção contra estes oportunistas é ensinar muito bem a seus filhos o que é um pedófilo, como vivem e o que faz dele ser o que é. Diga a verdade, que estes homens, podem estar dentro da sua casa, na casa do vizinho, do amigo, na casa do "pastor" da esquina, ou na paróquia do "padre." Podem estar na INTERNET, NO MSN, NO ORKUT E NAS SALAS DE BATE PAPO. ENSINEM ELAS A DESCONFIAREM DE TUDO E DE TODOS; PRINCIPALMENTE DAQUELES QUE LHES OFERECEM ALGO.

Ame, ouve e converse com seus filhos. Eles são mais importantes que sua preocupações e ocupações, eles são a sua imagem refletida na sociedade.

terça-feira, 6 de outubro de 2009

SEGURANÇA PÚBLICA

Vi a matéria do Jornal NOTÍCIA AGORA de Segunda-feira, dia 05/10/2009 sobre os R$900 milhões do Orçamento de 2010 para Segurança Pública. Vi que os entrevistado, que são gente do povo, em sua maioria comentou sobre policiamento nas ruas como forma de prevenção e ação policial para combate ao crime. Porém, o Estado gastará, como relata a matéria, em Instalações de Ciodes; conclusão de reforma do BME; reforma do Quartel de Maruípe e das delegacias, armamento e carros novos. Na justiça será realizado Construção de centro de Detenção provisória em Vila Velha; novo Complexo Penitenciário do Município e do Presídio Feminino, em Cariacica.
Como a própria matéria inicia a reportagem com este Ditado: " Atire a primeira pedra quem nunca apresentou solução para o problema do vizinho." Eu, como um vizinho bem chegado, que olha bem de perto o que acontece constantemente no nosso dia dia; irei opinar sobre a Segurança também. O bom de ser um curioso ( curioso do bem) é que a gente não se acomoda ao que se vê, ouve ou ler e está sempre disposto a saber mais. Fiz, Portanto, uma pequena entrevista usando a matéria do Jornal Notícia Agora, e foi surpreendente o que se fala sobre Segurança Pública. Falaram sobre Polícia comunitária, sobre policiamento nas ruas, sobre pontos estratégicos; e o que mais me chamou atenção foi a resposta de um adolescente de 17 anos. Ele respondeu que investiria na área da inteligência da polícia, na preparação da investigação,na polícia técnica e científica, para desvendar o crime ainda em andamento, como se fosse um diagnóstico criminal, saber o que fazem, como fazem e quando irão praticar o crime.
Pois, o crime é metamorfósico, muda conforme o ambiente e se adapta rapidamente ao meio.
Portanto, a ideia não é de toda ruim; pois, o Estado, com seus meios de prevenção e ação contra o crime, tem que estar à frente da mente criminosa. E concordo com este adolescente de 17 anos.

SABER CONSTRUIR É CONSTRUIR COM INTELIGÊNCIA.

O INSTRUTOR DE TRÂNSITO E O CREDENCIAMENTO JUNTO AO ÓRGÃO

O CREDENCIAMENTO DO INSTRUTOR DE TRÂNSITO E A RENOVAÇÃO. Em alguns órgãos executivo estadual de trânsito, tem a praxe de todo ano, ...